Bem-vindos à nova dimensão... seqüenciador de sonhos online.

terça-feira, 6 de maio de 2008

Bestiário I *de um tomo antigo e empoeirado*

PRÍNCIPE ENCANTADO
- humanóide mitológico
Habitat: imaginário feminino e masculino homossexual
Organização: solitário, dupla (gay, claro, ele é muito chato pra topar ménage)
Tesouro: "felizes para sempre"

 

O Príncipe Encantado é o tipo de criação fantasiosa que algum pai tirou da cuca para convencer suas filhas que elas não deveriam jamais casar-se. Na dificuldade de explicar-lhes porque devem ficar sem sexo até o casamento, decidiu contar-lhes que haveria UM homem com quem isso daria certo.

Típica figura de linguagem paterna, portanto, é um ser chato e basicamente desprezível, cujo único mérito real seria um tal de "felizes para sempre", de procedência pra lá de duvidosa. Seu ataque mais eficaz, quando acuado e forçado a reagir, é um fraco papai-mamãe, ou missionário, de curta duração.

Conhecido por ter mais amor ao seu fiel garanhão do que qualquer princesinha adormecida ou presa, é famoso no mundo real pela farta quantidade de casos de decepção amorosa que seu nome pode evocar. Também há indícios de sua existência no imaginário emo, mas vestido de preto e com a típica franjinha Adolf-Hitleriana. Tem a capacidade de se transformar em sapo para evocar a pena, no desespero por um beijo qualquer.

Representa o sonho romântico que pode ser deixado de lado ao primeiro sinal do típico anti-herói, no horizonte. De Clark Kent a Scott Summers, passando pelo Anakin Skywalker da nova trilogia, é o Backstreet Boy dos contos de fadas. Um mito, portanto, de curta duração (em vários sentidos, como já explicado antes) e mais para ser usado como troféu do que compania.

Um pé no saco (ou onde doer mais em vocês, meninas), realmente, facilmente substituído por outro ser do imaginário feminino: o Lenhador Sensível.

 


Prince charming by ~EdennaEve

7 comentários:

Tyr Quentalë disse...

Meu Amado Rei,
Tive crises de risos aqui, que pudeste acompanhar no Talk.
Ainda bem que não és um Príncipe Encantado, mas sim um Rei gurreiro, maravilhoso, que batalha para provar seu real valor. Não faz juras falsas e mostraras para mim que batalhas sempre haverão e que é necessário batalhar para ter a felicidade. Os Felizes para sempre é algo que se conquista e que não vem com um simples beijo ou casamento, não é mesmo, meu amado Rei?
Com amor e carinho, de tua Rainha!

D'angelo disse...

Caro Troll, temo em dizer que ainda acredito no príncipe encantado assim como acredito no papai noel.
:)
Outra coisa, só vc mesmo pra me fazer rir tanto uma hora dessassssssssssssssss...rs...

Lyn Monroe disse...

Eu nao acredito no principe faz é muito tempo! Felizmente! rs
mas tbem nao precisa apelar p o sapo! rs
acho q um cavalo branco charmoso ta de bom tamanho! rs
adorei esse post.
beijos!

Nanda Nascimento disse...

Pobre das moças que acreditam em príncipe encatado, essas irão viver eternamente no mundo da fantasia.

Um ótimo final de semana!

Beijos e flores!!

iara disse...

ri muito!
quanto a origem do príncipe vc acertou, visava ensinar as mocinhas escolher UM homem para, que estes soubessem de quem eram seus filhos.
mas quando as mulheres amadurecem (ou deveriam fazê-lo)aprendem que aquele escolhido não é perfeito e não existe príncipe. aí entram outros contos como a bela e a fera, ou o príncipe sapo, etc. para isso leia mulheres que correm com lobos e fadas no divã.


ah e eu não acreditei nunca neles...tá talvez com 5 anos...rs
minha versão preferida da cinderela é aquele filme com a drew barrymore onde ela salva o príncipe de uma vida tediosa e inútil...rs

bjs

Lyn Monroe disse...

Pidona! O retorno! rs
Caríssimo, to de post novo!
vai la ver! ah, e posta vc tbem q eu prometo vir comentar tbem! rs
beijos e otima semana!

Azhael disse...

Meio atrasado mas queria dizer q adorei o "verbete" sobre o principe encantado.
pena q o scott summers entrou no meio da historia, prq guardo um lugar no meu coraçao para ele.
mas daí vc podia escrever sobre os "herois coxinha", q é uma outra taxinomia para eles (scott, clark, charmings)