Bem-vindos à nova dimensão... seqüenciador de sonhos online.

quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

Subversão é sabonete II *ecoa a risada de Tyler Durden*

O mundo está convidado a ver o tolo bufão apaixonado! Por quê? Por que este palhaço não teme as caras e bocas que faça por tal amor! Por que a vida não existe por outro motivo, senão ser vivida na verdade dos sentimentos, na sinceridade daqueles capazes de vestir o próprio coração e sair pelo mundo, em piruetas apaixonadas, acrobacias furiosas e chuvas de lágrimas. Não há qualquer fuga em ser quem seu peito manda ser. Não há medo algum, nos olhos de quem sabe ser o que quer, não o que precisa ou deveria ser. Que vida tão ridícula é a pintada em quadros! A monotonia de viver emoldurado, belo, estático e perpétuo. Onde está a arte pela arte? Onde está a arte pela vida? Senão em tudo aquilo que começa por um sorriso, constrói-se em suspiros e só então parte para os sentimentos de cada um.

O que você deixa criar raízes em você? Eu gosto do que cheira bem...

8 comentários:

Nanda Nascimento disse...

"Por que a vida não existe por outro motivo, senão ser vivida na verdade dos sentimentos,...". Gostei disto, isto cria raízes em mim, "sentimentos verdadeiros".

Ps:Cê é mineirinho uai, legal!!

Beijos e flores!!!

Tyr Quentalë disse...

Eis que vejo novamente tuas palavras apimentadas, mas vejo também em tuas palavras a vida como deve ser vivida, a paixão como deve ser apaixonada, o amor como deve ser amado e as lágrimas como devem ser lacrimejadas. Ah! Meu doce e amado Troll, traz em tuas palavras para aqueles que passeiam em tuas cavernsa, momentos para refletir o que deve ser refletido e ergo-me diante de um público que apreciara tua bela arte, aplaudindo-te e dizendo: Bravo! Bravo! Bravo!
Beijos saudosos da sempre tua,
Rainha Negra!

Nanda Nascimento disse...

Uau! Não tinha percebido que tu és o detetive Addam (desculpe-me a lerdeza)então ganhei um selinho seu também, valeu!!
Fico feliz que tenha gostado!!!

Troll disse...

NANDA NASCIMENTO:
Sou mineiro de nascimento e carioca de criação, caríssima. De vez em quando despenco pros lados de Cataguases, pra matar a saudade do pessoal e da sempre deliciosa cozinha mineira. Quanto à indicação pelo Mulher é Tudo Bandida, foi feita pelo meu cunhado, Cap. Nascimento, eu apenas a reiterei.

TYR QUENTALË:
Minha amada rainha, sabes, sempre saberá que estas palavras são inspirações de um coração que acordaste de tão longo e frio torpor, forçado a bater acorrentado, e sem razão para fazê-lo.
Foram as tuas palavras que me acordaram e hoje inspiram as minhas.
Agradeço-te e no entanto sei q jamais será o suficiente. Amo-te, rainha.

Tyr Quentalë disse...

Teu coração estava acorrentado, batendo de modo infeliz às sombras de um mundo esquecido, Agradeçamos a Destino então, que nos colocou frente a frente em uma encruzilhada e aos poucos fomos reacendendo paixões que há muito estavam apagadas. Brilhos que já não eram tão vistos e vozes que jão não eram escutadas. Sim.. fora bem Destino em tamanha sabedoria que moveu universo e peças inteiras, moldando s caminhos mosntrando sinais e finalmente dando aquilo que precisávamos para arrebentar os grilhões que nos aprisionavam. Ah! Doce e amado Troll, minhas palavras eram cantos antigos tentando fazer-te escutar a minha voz e como sereia que canta sozinha em cima de uma rocha em meio ao mar bravio, teus ouvidos escutaram minha voz e ali reconheceras, aquela que tanto buscavas, assim como reconhi no brilho dos olhos teus aquele que eu tanto busquei.

Lyn Monroe disse...

Belíssimo post, nada como amar e saber q tbem é amado, faz toda a diferenca do mundo ate mesmo na nossa inspiracao!
beijinhos!

Lee Holloway disse...

Belo texto, Dr. Troll!
Muito inspirado. Muito apaixonado, muito vivo!
Adorei!
Espero um dia ser atingida assim pelo Cupido, e que ele me traga alguém normal!!! rs
Beijos!

Troll disse...

LYN MONROE
Este blog foi criado como esconderijo para alguns sentimentos que à época que surgiram eu não podia me permitir expressar, mas que hoje conquistei a liberdade de gritar aos quatro ventos, em homenagens à musa que me inspira nessas linhas que vc lê. Obrigado pela visita, mais uma vez, caríssima.

LEE HOLLOWAY
Lamento te servir a pílula de realidade, caríssima, mas não há um homem normal, isso é algo a q as mulheres terão de se acostumar. Tudo bem, pq tbm não existe mulher normal. Hahahahahahaha! Talvez sua missão na vida seja achar a pessoa cuja loucura complemente a sua, de alguma forma, q me diz? Bjos, adorei a visita e volte mais vezes, tá?

TYR QUENTALË
Minha bela e linda sereia, agradeço-te o canto a resgatar este pobre marinheiro que perdido estava, seguindo faróis banais e correntes óbvias, tolas.